Número total de visualizações de página

sábado, fevereiro 25, 2012

Como o povo é bom...

Boas noites leitora(e)s :)

Numa primeira abordagem, descobri uma maneira de nos safarmos à Troika e à fatela da alemã.
Mas depois de conversa com um amigo, cheguei à conclusão que .. Existem coisas que serão sempre grandes mistérios para a humanidade e é melhor nem mexer.
Tou aqui farta de falar mas ainda não disse o que me trás aqui ao meu cantinho.

Passo a explicar.
Aprendi hoje na RTP que existe uma Santinha de Arcozelo, Santa Maria Adelaide, que tem fama de ajudar as noivas, para além de ser grande milagreira.
Consta também que a Igreja Católica nunca quis reconhecer a Santidade à Santa logo, o povo é que a fez Santa, ou seja, trata-se de uma devoção em que a entidade religiosa não pode regular, nem regulamentar, absolutamente Nada.
No nosso país é típico a Igreja armar-se em má para umas coisas e muito boazinha para outras. Mas neste caso, ainda bem que ali não podem fazer nada porque é tradição, a Junta de Freguesia de Arcozelo promover um leilão dos donativos, ao fim de alguns anos, o ouro que os devotos deixam à Santinha è vendido. O valor alcançado pela vendaé aplicado na manutenção da capela/jazigo da Santinha e, respectivo museu, bem como apoio às várias obras de caridade e apoio social.
Este ano, e visto o panorama social na localidade, e imediações, esta iniciativa teve maior impacto.
As dádivas estão a reduzir face aos outros anos mas até a Santinha está exposta à crise..

Então e se em vez de ser a Santinha de Arcozelo a ajudar os pobres, se fosse outra Santinha mais.. "rica"?
Estão a ver qual é a Santa a que me refiro?
Pois bem, existe um senão dos GRANDES.
A Igreja Católica reconheceu a Santidade e, nunca, jamais, em tempo algum, se iriam mexer nessas dádivas! A Igreja não deixa!

E se isso acontecesse, talvez a Troika fosse pastar para os lados de outro país qualquer mas.. As questões começavam a ser colocadas.
Se não havia dinheiro cá em Portugal à tantos anos. porque raios foram feitos tantos estádios durante o Euro2004? Estádios que hoje, estão ao abandono quase.
Não estou a falar nos grandes de Lisboa, nem nos do Porto e Braga, que estranhamente ainda enchem.
No nosso burgo quando calha o dinheiro aparece. E se ele aparece é porque estava escondido em qualquer lugar porque nós cidadãos, não tinhamos isso tudo :(

E esta é só uma das questões que surgem.

Digam lá.. Agora se teriam interesse em mexer naquele tesouro ali para os lados de Fátima? Eu pelo menos teria algum receio..
Mas Santinhas à parte, continua a fazer-me muita confusão a opolência do Clero em geral quando o povo passa mal.
Será que isto é uma nova Idade Média e eu não me dei conta??
Enfim..
Hoje estiquei-me na "posta"...

Leste tudo?
Os meus parabéns.. Agora um comentário sff ;)

3 comentários:

mfc disse...

Tocaste num ponto que os bem falantes não gostam... mas de que eu gostei muito!
Bom post!
Beijinhos.

Bina Ladina disse...

Hello MFC :)
Resumindo, eu geralmente acho estes assuntos eclesiásticos, muito interessantes e pouco claros ;)
Diz aqui a menina que gostava de ser a Marcela Rebelo de Sousa das postas :P

Sofia disse...

Ora aqui está um assunto que muitos têm medo de abordar! Eu também sou dos que acham que há muita coisa mal na instituição igreja. E sem dúvida precisa de uma reforma de ideais!
Beijinhos*