Número total de visualizações de página

terça-feira, dezembro 13, 2005

Sandices e genialidade!

Boas tardes amigos leitores e comentadores!

A notícia não é nova, nem o incidente inovador.
Trata-se da agressão ao candidato Soaresa em Barcelos.
Ao que consta, andava o idoso bonancheirão em campanha pelas ruas de Barcelos quando um ex-combatente conseguiu aproximar-se para insultar e agredir o candidato.

"Oh vigarista! Vai assaltar o Banco de Portugal para dar dinheiro aos turras para matarem portugueses"
O ex-combatente referia-se ao possível envolvimento do candidato num assalto feito em 1967 pela Liga de Unidade e Acção Revolucionária (LUAR) à dependência da Figueira da Foz do Banco de Portugal, que terá rendido 38 mil contos.


Terá sido verdade? Ou uma acusação tresloucada?
O candidato reagiu com uma certa esperteza não apresentando queixa-crime contra o homem, mas não podia deixar de mandar o seu comentário (que eu considero infeliz):
"Não vou apresentar queixa de um sujeito que aparenta ser atrasado mental".

E que tal manter-se calado?
Cada vez que abre a boca sai baboseira. Mas há que dar um desconto, a idade já é avançada..

Por sua vez, o candidato da direita quando emite um parecer é muito prudente:
Segundo disse à Lusa um porta-voz da candidatura de Cavaco Silva, o ex-primeiro-ministro "quer de imediato condenar veementemente as ofensas e atitudes anti-democráticas de que foi alvo o Dr. Mário Soares".


Ele poderia pura e simplesmente, ignorar o incidente mas tomou "as dores" do seu adversário fazendo uma jogada de mestre.

Não me digam que o senhor que se intitula "pai democracia" não sabe lidar com diferentes opiniões.
... é que esse é o fundamento da democracia, todos poderem exprimir a sua opinião e saber coexistir com a diferença ...

Sem comentários: