Número total de visualizações de página

segunda-feira, maio 16, 2005

Viriato não lutou para termos uma terra de preconceito

Olá amigos leitores e comentadores!

Que fim-de-semana cheio de emoções FUTEBOLÍSTICAS (SLB, SLB, SLB, SLB, SLB GLORIOSO SLB, GLORIOSO SLB!!!), o derby lisboeta tomou conta da casa e toda a gente comemorou a vitória do glorioso contra a lagartada depois de um jogo impróprio para cardíacos e que o golo custava a aparecer mas apareceu!

É verdade que eu sou sócia do F.C. Alverca, mas a minha matriz futebolística sempre foi o Benfica. No fundo tenho pena do Alverca não ter aguentado a pressão da primeira divisão.

Sim senhor, enquanto sócia pagante do Alverca nunca o troquei pelo Benfica.
Foi jà à muitos anos, mas no jogo Alverca-Benfica torci pelo meu Alverca do coração, agora que já não posso ir para as bandas de Alverca, voltei à minha matriz.
(Frase pirosa à brava mas) O meu coração tem as cores do Benfica e do Alverca, venha quem vier, aconteça o que acontecer!

Entretanto hoje fui dar a minha voltinha pelos blogs amigos e vi na Olga uma referência a uma manifestação em Viseu. Eu tinha ouvido qualquer coisa sobre o caso mas sinceramente nem liguei muito.
Hoje o meu lado curioso veio ao de cima e dei com isto:

Na cidade de Viseu, no dia 18 de Fevereiro, mesmo antes um acto eleitoral que deu legitimidade ao Governo liderado pelo Sr. Eng.º Sócrates, um casal homossexual é agredido no centro da cidade.

Este ataque vem na sequência de outros que tiveram início numa zona de descanso do IP5, e que graças ás posições homofóbicas do Sr. Presidente da Câmara Municipal, Fernando Ruas, deu estimulo para que esse gang de meninos muito bem vestidos, se lançassem agora na perseguição objectiva, e sistemática do seu alvo: homens homossexuais.

Não me agrada qualquer tipo de agressão especialmente nesta altura a mentalidade dos portugueses já devia estar um bocadinho mais aberta ou pelo menos mais permissiva.
Eu acredito no seguinte - Live and let live!
Eu como ser humano e cidadã do mundo tenho as minhas preferências sexuais, religião, ambições e desejos e desde que a minha liberdade não interfira com a dos outros estou tranquila.

O que eu não acho correcto: comportamentos homofobico!
Caríssimos leitores, independentemente da vossa preferência não a tentem impor como sendo a única e correcta. Qual é o problema?
É como o futebol, nem toda a gente pode ser do Benfica, por isso é que existem outros clubes, agora só parte do bom-senso das pessoas saberem coexistir com a diversidade..

O mundo conseguiria ser tão simples se as pessoas não complicassem, se as pessoas não impusessem as suas ideias à força aos outros.

Sabem que mais?
Vou coexistir com o lagarto do meu chefe :)

Até já e boa semana de trabalho, ou de férias, ou do que for.


stop

Sem comentários: