Número total de visualizações de página

terça-feira, fevereiro 22, 2005

Tarda mas não falha!

Boas tardes!

Estou a dever um valente pedido de desculpas aos meus queridos leitores e comentadores mas a bem da verdade, tenho andado muito, muito ocupada, o que por um lado é bom - entra mais dinheiro na empresa, e por outro é mau - não tenho tanta disponibilidade para o meu Brams.

Então urge dar a minha opinião sobre estas eleições.
Creio que antes da vitória histórica do PS, houve uma grande vitória da Democracia.
A taxa de abstenção baixou!
...Deve ter sido das únicas vezes na vida que eu fiquei feliz por ver uma fila grande.
A grande fila de eleitores, de cidadãos votantes meus vizinhos.
Depois ao longo da noite tive a certeza que o povo português estava realmente farto.
Os resultados ainda não tinham sido todos apurados e já o PS ganhava as eleições, José Sócrates e sua equipa tinham conseguido afastar - com Maioria Absoluta - a maior aberração política de todos os tempos, a coligação PSD/PP.
Tenho quase certeza que se o PSD liderasse só o governo não teriam acontecido nem metade das crises.
Quer eu queira, quer não, tenho que assumir que um governo com maioria consegue trabalhar de uma forma muito mais eficiente.

O povo deu o poder,e a legitimidade, as ferramentas necessárias para J.Sócrates conseguir fazer renascer Portugal.
Mas não acredito numa mudança radical do dia para a noite.
Como diria eu - Nem a Nossa Sra. de Fátima governa Portugal, nem o Socrates faz milagres!

Outro vencedor destas eleições foi o Bloco de Esquerda que agora tem mais deputados no Parlamento. E não me alargo muito mais neste campo, não vá eu cair em "tendenciosismos" desnecessários para quem apresentou resultados mais que explícitos nestas eleições :)
Já o irmão do deputado do Bloco de Esquerda não terminou a noite com grandes festejos.
O grande derrotado da noite foi o senhor Portas.
Para alegria de muitos portugueses nomeadamente a minha pessoa, colocou o seu lugar à disposição. Situação que só dá para fazer um comentário, e este sim, muito tendencioso mas meu:
Já vais tarde!!!
Estes senhores, na minha opinião, só vieram boicotar o trabalho do governo eleito.

Já o partido das laranjinhas, perdeu o seu lugar e passou para segundo lugar.
Se querem saber, tenho pena do Santana Lopes.
Como diria a minha falecida avó: Junta-te aos bons e serás como eles, junta-te aos maus e serás pior que eles!
É a visão que eu tenho deste 'negócio' que o PSD fez para poder viabuilizar o governo da Direita neste nosso País.

Já o sr. Jerónimo de Sousa, o camarada meu vizinho (sim, ambos moramos naquela localidade suburbano onde desde á muito, muuuiiito tempo habita a classe operária de Lisboa) ficou evidentemente feliz por ser a terceira força política eleita neste sufrágio.

Mas recordo um pensamento dos meus, altamente conspirador e tendencioso.
Será que o Jorge 'Almighty' conseguiu ajudar o próprio partido a conseguir a maioria absoluta?
Eu creio que se fossem convocadas eleições logo que o outro senhor Primeiro foi para Bruxelas o PS não teria nem metade dos votos que conseguiu agora.
Ou seja, o bom do nosso 'Almighty' decidiu dar corda suficiente para o governo 'se enforcar' perante a nação.

Não é assim tão desconcebido quanto isso, ou é...?

Digam lá de vossa justiça que agora fiquei curiosa.

Sem comentários: